quarta-feira, dezembro 29, 2010

DESTA VEZ ESCREVERAM PARA MIM....

Carissímos....

Por norma sou sempre eu aqui a escrever. Hoje porém fui alvo de uma pequena homenagem de alguém que na verdade ainda não cheguei a falar aqui. Porém hoje e como nunca é demais abrimos ao "mundo" as portas de alguns, dos momentos da nossa vida....hoje....abro também eu,  uma excepção para permitir que através dos olhos de alguém muito especial possam vocês também comungar comigo da alegria que é feita de momentos em que alguém se permite a tirar um retrato da forma como nos vê!

 Hoje dou a primazia e a honra de deixar com vocês....esta menina linda e o que me deixou....( A menina linda é a namorada)!



Bruno Miguel.



Uma pessoa de amores. Caminhos. Esperanças. Sonhos. Instintos. Sinceridade. Coragem. Transparência. Cumplicidade. Uma pessoa de luz e fé. Talvez ele seja contraditório, com tantos questionamentos, com tantas infinitas vontades, com tanta sede em descobrir. Uma pessoa que sente muito as coisas com intensidade, mesmo que não deixe transparecer.

Uma pessoa que, definitivamente, é dono de uma inteligência sagaz e de um humor sarcástico e refinado. Que já se deparou, se perdeu e reencontrou com o amor algumas vezes, mas nunca deixou de crer nele. Alguém que quer olhar fundo nos olhos e enxergar respeito, entrega e reciprocidade. Que gosta de segurança e se doa nas relações. Uma pessoa que deseja envelhecer junto, crescer junto, voar o mais alto possível, viajar dentro de si mesmo numa busca contínua. Alguém que quer pintar de colorido a vida, que quer saber somente daquilo que seja de verdade, avesso a mentiras. Uma pessoa que quer essência e não brincar de faz de contas.

 Que está fatigado de faltas, ausências, vazios. Uma pessoa que é pai de uma estrelinha linda e iluminada. Uma pessoa que, por mais dificuldades que possa encontrar, vive a vida de um jeito simples, como se fosse fácil. Um homem que trabalha com obstinação, se aplica em seus objetivos e é prudente com as palavras. Que está sempre buscando rever os feitios de sua vida emocional para melhor conviver, buscando sempre alcançá-la com maestria. Uma pessoa que é genuinamente conservadora, mas que ao mesmo tempo busca, anseia, sonha e deseja o novo e diferente.

 Protetor, ponderado e cauteloso, é um homem que leva suas relações a sério e com comprometimento. Alguém que pode passar uma sensação de pessoa sempre tranqüilo, distante e inabalável, mas que dentro de si, tem um mundo de sentimentos em ebulição. Uma pessoa que tem consciência que felicidade é um estado de ânimo que não depende do mundo exterior. Confiável e fiel, ele é uma pessoa que tem lá seus pequenos lampejos de insanidade. Alguém que demonstra muito instinto de amparo e lealdade. Gentil e de natureza discreta, está sempre disposto a te acolher e aconselhar.

Um homem sensual, mas tímido e que considera a família um bem maior. Mesmo que possa se sentir inseguro, é uma pessoa que primordialmente não tem medo da vida e de seus desafios, mostrando-se muitas vezes, obstinado e teimoso. Um homem que almeja o amor verdadeiro, não os artificiais dos contos de fadas. Alguém que tem seus momentos de melancolia, mas que sabe olhar o mundo como uma criança, seus olhos são repletos de bondade e admiração. Uma pessoa que carrega paz dentro do peito, mesmo quando inundado de instabilidades e caos.

Hoje, os meus PARABÉNS e desejos de felicidade sem fim é para ele – Bruno, 35 anos. A pessoa com o maior coração que já conheci em minha vida, que tem os mais sinceros sentimentos e as mais doces palavras. Ele é a minha inspiração, meu amigo, minha melhor companhia. Meu sorriso, meu conforto e apoio. Minha saudade descabida. Ele é meu vislumbre e começo de uma nova jornada. Ele é meu anjo neste mundo esquisito. É a pessoa que fez a diferença em minha vida. É quem me faz ter a pretensão de abraçar o mundo. É ele o dono do meu selvagem coração.



S.C.

quarta-feira, dezembro 22, 2010

RELACIONAMENTO ABERTO OU VIVA A MODERNIDADE?



JÁ PENSARAM?


A questão é: Que tipo de relacionamento gostariam de ter?


1- Um relacionamento aberto?
2- Um relacionamento cómodo?
3- Um relacionamento convencional?
4- Um relacionamento fechado?
5- Um relacionamento estruturado?

A questão é: Que tipo de pessoa és e estás preparada para ser ao entrar num relacionamento?

1- És lascivo (a)?
2- Calmo e passivo?
3-Ciumento(a) e possessivo(a)?
4-Safado(a)?
5-Romântico?
6-Masoquista?
7-De uma pessoa só?
8-De desejos loucos e insanos?
9-Amoroso e sensivel?

A questão é: A tua capacidade de amar dá-te:

1- Permissão para amar uma só ou mais pessoas?
2- Entregares-te apenas a uma só?
3-Teres desejos incontornáveis que queres partilhar com mais?
4-Viveres para a familia?
5-Deleitares-te com todos os prazeres da vida?
6-Amares uma pessoa e entregares-te a mais?
7-Não aguentares apenas o estimulo de ter apenas uma?
8-Viveres uma vida feliz com a tua namorada sem "saltares poleiros"?
9-Viveres uma vida tranquila, mas teres acesso ao que tinhas em solteiro?

A pergunta é: Quem és tu? Como te defines? Como encaras o amor?O que é amar? O que é sofrer? Quem perde e quem ganha? Sim....diz-me....quem és tu? Como te defines?

Na verdade alguém dizia o seguinte: Contentar-se com pouco no amor é não conhecer o amor. Bom....de certa forma vou tentar responder da seguinte maneira. Amar alguém significa tão só conseguir acima de tudo amar a outra pessoa mais do que a mim mesmo. Parece meio doido? Não...

Reparem jovens e idosos desse Portugal imenso....

Quando alguém ama se tentar buscar para si mesmo uma bússula ou uma garrafa de oxigénio de forma a que o outro te proporcione o que nunca tiveste não passará de um amor simplesmente egoísta. Eu não quero a carne do outro(a) para satisfazer os meus desejos. O primeiro predicado de amar é desejares a....vamos....respondam comigo....a???

FELICIDADE DO OUTRO!

Isto é o que é imperitivelmente mais importante! Desejarem a felicidade do outro. Amar simplesmente por essa pessoa ser quem é e como é! Este é o primeiro ponto de partida. E tudo isto vai irremediavelmente além de simples qualidades ou imperfeições inerentes a cada um de nós! A escolha de amar....é livre. Sinónimo de liberdade.

Tenho e oiço muitas vezes de amigos ou amigas a seguinte frase muito batida " Ela é minha". Esta coisa da posse....do " É meu e de mais ninguém!" - É algo que me ...choca. Caramba...até a minha filha de 8 anos,  sabe que ninguém é de ninguém. O amor não se quer como um policia que decide prender um ladrão com as algemas. Amor quer-se livre! E agora sim....que amor livre é este? Que liberdade é esta para que possamos enquadrar o amor nos seus respectivos relacionamentos?? Hummm....hummmm? Bute lá....ou melhor dizendo: Fallow me, que em portugues é: Lê agora e critica depois.

Vamos pensar nos seguiontes casos.

Imaginem que namoram há cerca de 2/3 anos eu que nesse meio termo, entre voces já experimentaram de tudo. O namoro está parado, relaxado, existe de certa forma uma preguiça que querendo ou não os namoros longos acabam por possuir. O vosso homem ou a vossa mulher, de repente sente um interesse ou por um colega de trabalho, ou por alguem que conheceu. Ela ou ele...gosta de vocês, isso nao esta em questão, mas tem um desejo de ficar , pernoitar, estar com essa pessoa. Quer experimentar algo que não lhe foi dado a experimentar antes. Tem uma conversa contigo ( vamos imaginar que existe transparencia) e nessa conversa, apesar de admirado, acedes ao pedido dela ou dele. Vamos ao que interessa!

Nessa noite ficas em casa. Dependendo da conversa, da forma como encaras as coisas e da essencia que tens em aceitar mellhor ou pior a situaçao...acabas por te ver sozinho (a). Nessa noite....e imagina que és tu que estás a ler isto a tua mulher ou o teu homem está neste momento na cama com outra (o). Beijos, troca de caricias, sexo oral, penetração, desejos, vontades , troca de fluidos colocados em todo o seu explendor.  Acendes a televisao em casa para te tentares distrair com outra coisa.

Mas nao te sai da cabeça o que neste momento ela ou ele estarao a fazer! Será que ela está por cima? Está de quatro? Será que ele está ater mais prazer do que tem comigo? Será que ela geme melhor com ele? Mudas de canal, fechas a televisao. Estás nervoso ou nervosa, Vais para a cama e respiras fundo. Já passaram 2 horas desde que ela (ele) saiu! Deitas-te e ao mesmo tempo que te deitas pensas de novo! E o beijo? Será que ele (ela) gostou? Reviras-te na cama. Nunca passas-te por situaçao igual. São 4 da manha. Sentes um carro parar á porta. Finges que dormes. Ela ou ele entra em casa em surdina. Finges que dormes, porque queres logo que esse dia passe. Ela(ele) deita-se ao teu lado. Timidamento como a medo pela resposta perguntas como correu. A resposta politicamente correta será sempre: Normal. Ou diferente apenas. Foi apenas sexo. Procuras interiorizar aquilo sem saber bem como vais conseguir organizar as ideias nos dias que se seguem. O que antes começou com uma vontade e possivel abertura para se fazer....acaba por se tornar de certa forma um vicio.

Como encararias isto?


Vamos lá....imaginem um namoro aberto. Aberto e disponiveis para possiveis vontade vossas que serão sempre transmitidas e discutidas com a pessoa que amam. Ou sim ou não , ira sempre depender também da forma como encaram uma diferente situaçao. A vontade de apenas beijar alguem numa discoteca, num show, num bar. Até á vontade de se deitarem com outra pessoa. Passando pela troca de casais, Swing, orgias e demais que a vossa imaginação permita.

Agora mesmo tendo uma capacidade de encaixe fantástica, mesmo sendo abertos ao máximo existe a possibilidade de aqui, numa relaçao aberta com trocas de parceiros e afins, poderem destabilizar o vosso relacionamento? Muitos dizem que não! Impossivel! Porque tudo é falado, debatido e pensado. Tudo apenas se resume a sexo e nada mais pode ser incluido. Proibido apaixonarem-se! E aqui...é a grande questão tambem.

Mas que proibido o quê? Alguém tem um sinal no coração que em definição diz STOP para outras pessoas? Ninguém comanda totalmente os sentimenos. Então logo, como os sentimentos nao são comandados sempre da melhor forma, porque existem buracos, obstáculos, diferentes personalidades, formas de estar e ver....é perfeitamente possivel numa relaçao aberta existir a possibilidade de deslumbramento e paixao por alguém.

Mas será melhor um namoro mais fechado? Fechado no sentido de se entregarem apenas aquela pessoa? Na verdade nao podemos de certa forma apenas colocar os namoros como abertos e fechados. Porque não depende disto. Depende....das pessoas. Da sua forma de ser, da crenças que cada um tem, da visao de vida que cada pessoa tem para si, da atitude perante o amor, perante os outros. E acima de tudo perante si mesmo.

Uns chamam de modernidade. Outros de uma autêntica putaria, e outros ainda a pessoas de relacionamentos abertos de pessoas futeis que não sabem amar, porque nunca souberam dar o devido valor ao amor. Em que ponto ficamos?

A questão é: Como podes com a pessoa que amas permitir-te a ser livre sem magoar de nenhuma forma o outro? È possivel?

Ouvi várias vezes: Os meus avós ou pais são casados há 30 anos. 20 anos. Aquele casal de namorados está feliz há 10 anos, vão casar agora. Todas as formas de amar e amor...são possiveis. Todas elas.

Uma das coisas que sempre mais "lutei" nos namoros, foi a comunicaçao entre as pessoas. A transparencia e a forma como podemos debater toda uma série de questões sem ter medo da forma como a outra pessoa te pode julgar ou apontar o dedo.

Nem sempre deu certo. Como já foi dito,  depende muito das pessoas com quem vocês estão. Da forma feliz  que acham que podem levar um namoro ou casamento sem que o façam desabar apenas porque tem desjos ou vontades. Tudo é discutivel. Entendo que nem todos tem a mesma capacidade que outros. Por medos, receios. Mas....uma coisa vos digo. Nao relaxem nos namoros. Procurem todas as formas  que possam achar válidas de amar. Não se prendam a dogmas. Nao se prendam  a regras. Definam as vossas posições. Expliquem, sejam transparentes. Às vezes o medo de comprometer uma relaçao, leva-nos a omitir. Entao...preconizamos para nós e escondemos num baú os nossos desejos e vontades. Uma relaçao estavel não e aquela em que voces olham  e tem tudo, mas nao existe comunicação. Tem carros, casas, amor, saem, viajam, mas nao existe verdade. E a verdade é  a mais dura de todas as possiveis mentirinhas ás vezes. Sejam retos, honrados. Porque é a única forma de honrar a vossa pessoa por aquilo que são e nao pelo que o outro nao quer ou nao gosta.

Sejam participativos, activos. Tudo doi. Uma frase, uma traição, uma cena menos própria, uma máatitude, um grito, um chamamento de atenção. Tudo seja numa relaçao mais aberta ou fehada é passivel de sofrimento.

Mas o sofrimento é a melhor forma de verdade e transparência que existe para o crescimento.

Se me perguntarem: Ès a favor do quê afinal???

A favor do:



FIM!

domingo, novembro 28, 2010

SOMOS QUEM GOSTARÍAMOS DE SER?




Muitas foram as vezes que me questionei se eu era na realidade quem eu gostaria de ser? Todos em algum momento temos a percepção necessária e facultativa inerente a nós de uma percepção tanto dos nossos defeitos como das nossas virtudes.

Nesse intermédio básico de nos conhecermos a nós mesmos, somos capazes de conhecer tanto as nossas limitações como ser humanos, como tudo o resto que temos a capacidade de poder concretizar.

Quando era novo sonhava ter um corpo fantástico. Pensava que um corpo sarado, bonito ( mesmo que eu não fosse muito bonito) seria o suficiente para conquistar as meninas.

Nunca acabei como muitos, por ir para ginásios e levar avante essa vontade de querer um corpo bonitão.

O tempo passa e descobri que o conhecimento das coisas, leva á sabedoria  da vida. Mais importante de existir muitas vezes o desejo de sermos diferentes em aspecto fisico ou intlectual é a manutenção e exercicio constante de melhoramento interior. Conhecimento, sabedoria, cultura, estrutura psicológica.

No meio disto, dei-me conta também que e no que me toca dizer; se eventualmente somos a criação de Deus e existindo como eu sei e tendo para mim que existe, não poderia eu, ser mais do que aquilo que sou.

Sempre acreditei em dois tipos de mundo. Este que vivemos e um mundo invisivel e muito mais abrangente e misterioso. Esse mundo é o mundo espiritual. Entre tantos biliões de pessoas que existem, uns acreditam, outros apenas seguem o curso da sua vida sem se preocupar muito com fés, religiões ou algum tipo de outra coisa. Para uns, nascemos, crescemos e morremos. E a história acaba aí.

Outros porém acreditam que a vida é uma passagem. E que nesta passagem o que temos de fazer para chegarmos ao outro lado é seguirmos um caminho longe de tantas inconstâncias do mundo.

Para muitos o sofrimento é a chave de todos os males. Para outros e dependendo do sofrimento é a chave do conhecimento e sabedoria.

Dignificar quem nós somos  é dignificar a nossa própria criação. Sem mudanças, sem alterações, sem medos.

Vivemos num mundo caótico. Em cada canto existem problemas. Mortes, guerras, mentiras, injurias, assassinatos, pedofilia, putaria, enganação, raiva, ódio, assaltos, catástrofes, inveja, soberba, ganância, gula e afins.

Em algum momento todo este tipo de sentimentos, um ou outro já nos trespassou. Marcar a diferença é exctamente olharmos para nós e para tudo o que nos rodeia e traçarmos um plano de combate activo.

Esse plano passa pelo melhoramento interior. O combate ao medo, ás invejas, á preguiça, á injúria, etc. Marcar a diferença significa que se somos quem somos e vivemos no mundo com o qual nos ofereçe muito do que não gostamos, então existe necessáriamente em algum ponto sofrimento.

A incapacidade de lidar muitas vezes com isso traduz-se em pessoas abatidas, sem esperança, e com atitudes que nada tem a ver muitas vezes consigo mesmas.

A questão de mudar, de continuarmos continuamente á procura de sermos melhores é a busca pela felicidade. Para se poder dar amor, efectivar o amor conforme está estabelecido desde os primórdios é necessário, teres um coração transparente, sensivel ao que o mundo te dá a ver e corajoso para todo o tipo de combates.

Não podes ter um coração medroso, cheio de negatividade, cheio de problemas interiores e mesmo assim desejares uma vida feliz. Porque certamente ninguém terá. Somos cheios de imperfeições porque imperfeitos também nós nos tornamos.

Por isso mesmo quando muitas vezes vamos ao médico fazer um CHEK-UP, para ver como está a nossa saúde pelo receio que tenhamos algo de mal, tudo isto é necessário quando nos propomos a fazer tambem uma certa interiorização global do que somos e do que podemos melhorar.

A minha questão principal é questionar-me da seguinte forma: A cura que procuramos para nós é fisica ou espiritual?


Abraços!

domingo, novembro 21, 2010

Como lutar contra as Frustrações?

Caros amigos,

Quem de nós nunca se deparou com dificuldades geradores de focos de instabilidade ou frustração?
Quem de nós nunca teve momentos de melancolia, tristeza em que tudo parecia perdido para sempre?
Quem de nós cultivou de certa forma durante dias, semanas e até meses momentos de melancolia, relaxamento e deu tantas vezes tanta coisa como "perdido"?

E no meio de isto tudo...quem de nós na verdade com os anos que tem passado por nós...não sobreviveu a isto? Então como lutar contra as frustrações? Como evitar que elas tomem conta de nós como se por momentos a própria frustração vestisse a capa do ser humano fisico e tomasse lugar na nossa vida?

Quem é a frustração? O que ela nos proporciona? De que forma podemos combater isso e como evitar que a nossa vida em muitos casos se torne um caos?

Muitos de nós...vivemos certamente imensos momentos ( dependendo da idade de cada um) formas variadissimas de frustração.

Um amor não correspondido. Uma amizade perdida. Uma traição. Um emprego não conseguido. A falta de dinheiro. As necessidades básicas que em muitos falta. Perder um concerto. Não conseguir comprar o que desejávamos.A espera intensa sem conseguir fazer o que mais queriamos. Imensas coisas que poderia colocar aqui.

Tudo e mais alguma coisa é um factor determinante e gerador de frustração em varíadissimas coisas. Frustração essa que está associada também ao medo. Medo esse que nos leva a uma melancolia muitas vezes mórbida. Muitos de nós e varia de pessoas para pessoa leva meses e até anos para ultrapassar as suas proprias frustrações. O que naturalmente faz com o passar da idade que as pessoas se sintam menos preparadas para a vida, mais medrosas e com receios interiores intensos.

Existe antídoto, para a frustração? Para o receio? Para a falta de atitude em tantos casos? Serão as pessoas culpadas também de um certo relaxe interior que as leva em muitos casos a cometer loucuras? Drogas, suícidos, falta de determinação? Seremos nós culpados de todas as frustrações ou porém e não menos verdade todos os outros que directa ou indirectamente nos levam a ficar no estado que muitos se deixam levar e ficar?

Ninguém na verdade é igual a ninguém. Cada pessoas difere uma na outra na forma fisica e psicológica do seu próprio entendimento da vida. Uns acreditam na força da vida com mais coragem, auto estima elevada, atitude para a vida, outros acreditam em Deus e na força do poder que ele nos proporciona, outros porém acreditam apenas que tudo que causa frustração é a falta do dinheiro, de uma vida melhor e mais descomplicada. Existem pessoas com atitudes diferentes, para razões também elas diferentes e casos no meio disto tudo diferenciais.

Mas na verdade que poder podemos exercer para combater a melancolia e frustração de forma que ela não tome conta da nossa vida e de certa forma não interfira no nosso meio?

Muitas vezes e durante anos falei com pessoas que não conseguiam combater a frustração e tristeza de que eram alvos. Existem pessoas que até hoje vivem na trsiteza de terem o mesmo emprego há anos. De ganharem pouco. De ver os filhos crescer sem nunca poder proporcionar muito mais do que desejavam. Existem pessoas que vivem o drama mesmo casadas ou namorando há anos que vivem no passado de nunca terem casado ou namorado aquele "amor perdido" para sempre.

Muitos acordam hoje em dia com uma mulher ou homem do lado a perguntarem-se " Quem é na verdade esta pessoa do meu lado??". Como estes exemplos existem milhares!

Acho graça as pessoas queixarem-se de trabalhos que tem ha anos e eu questionar: " Mas nunca tentas-te arranjar outro? Receber melhor? Ir a entrevistas? Enviar curriculuns? Fazer pela vida!??

Muita gente e por norma responde: " Nunca surgiu a oportunidade". Mas que oportunidade?? - Questiono muitas vezes eu! A oportunidade surge...ou somos nós que fazemos com que ela surja??


NO PRÓXIMO POST...VOLTAMOS PARA A SEGUNDA PARTE!

sábado, novembro 13, 2010

O senhor do "Adeus"

MEDO DE MUDANÇAS


O que nós muitas vezes mais tememos na nossa vida são as mudanças. Medo da morte, de um acidente, de perder filhos, pais, namoradas e afins. Temos ás vezes a vida tão delineada e até certo momento tão certinha que quando ocorrem mudanças, umas mais bruscas,  outras menos, entramos em pânico em algumas situações. Alcançamos tanta coisa que receamos perder em algum momento essa mesma conquista. Como se ela perdurasse a vida toda. E temos medo de nos decidir pelo que poderá ser incerto para nós. Quando nos habituamos muito ao nosso caminho e criamos raízes nele, preconizamos para nós, que mudanças que possam não ir de acordo com esta estabiliade, poderão ão ser bem vindas tanto como bem vistas.

Isto dependente sempe do estado de espirito e vida de cada ser humano.

Temos sempre medo de nos arrepender de que o que podmeos vir a ter será pior do que aquilo que já construímos e possuímos, em muitas situações como um dado adquirido para nós. Familia, estabilidade, empresas, emprego, namorada, dinheiro. Tudo se ganha e constroi com o tempo, assim como os impérios...mas também tudo se perde muitas vezes.

O facto é que em determinado momento de tempo pensamos sempre que temos e possuimos tudo. E que devido a essa estabilidade criamos para nós a imagem de que o que temos...teremos sempre.

Por isso de certa forma existe um medo que é complexo e complicado de arriscar pelo que poderemos ter em contraste com o que já possuímos. Começar do zero, perante o que já tivemos e construímos ate aqui é algo que nos enche de receios.





O que o ser humano mais teme na vida é a mudança. Medo de perder o que se tem o que se conseguiu o que se alcançou, por algo incerto que poderá ser melhor ou não. Temos medo de arriscar, medo de percorrer um novo caminho quando já estamos habituados ao nosso!

Mas o que a grande  maioria das pessoas não entende para si, é que é muito pior arrependermo-nos por algo que não fizemos durante a nossa vida, do que por algo que fizemos, ou poderemos ainda vir a fazer.

O caminho mais fácil na verdade que para mim , são a constatação do que o que possuimos nos dá uma felicidade "mentirosa" e utópica no verdadeiro sentido da palavra.

O caminho complicado sempre será o mais "gostoso" para mim. Porque é o que nos dá força, vontade, cria barreiras. È o caminho da superação de como seres humanos e criados á imagem de Deus, temos e foi-nos concedida essa oportunidade de colocarmos em prática o que de melhor temos. E isso é o que nos enche o coração de sentido de oportunidade, de felicidade e de coragem.

Sermos destemidos enaltece-nos o ego, levanta-nos a auto-estima e cria em nós uma estabildiade emocional que nos permite sempre encarar os medos e receios com outra vontade e disponibilidade.

Fácil patra nós será sempre escolher e determinar um caminho já pré-concebido de estrutura. Não precisamos lutar muito, nos mexer muito, nos aborrecer muito. Porque está lá...pronto para nós. E quando algo já está construído como base para nós, a luta torna-se inconsequente. Nao tem muito significado.

Por isso é que muitas pessoas se atemorizam, se aterrorizam com questões de mudanças nas suas vidas. Pela não habituação. Passar pela mudança gera intranquilidade. Gera contorvérsia e estados de espirito que com o tempo se tornam um monólogo inconsequente.

Muitas vezes me questiono o que faço aqui? Para que sirvo? Quem sirvo? De que forma posso tornar a minha vida uma verdadeira aventura. Aventura feliz, ceheia de peripécias ao velho estilo de um Indiana Jones? De que modo poderei eu, sentir o palpitar do coração?

De facto poder ter tudo organizado e levar até ao fim dos meus dias essa mesma vida...para mim não funciona. Gera um certo estilo de Matrix entendem? Tudo demasiadamente funcional, sempre o mesmo, sem mudanças e apenas baseado numa estabilidade contorversa de que pensamos estar cientes que é a mais correta. para alguns sim. Não para mim.

Para mim a simples existência de um foco de mudança, mexe comigo para ...melhor! Conhecer outras culturas, viver outra vida, proporcionar-me experiencia, correr o mundo, deixa-me ansioso, sempre com a consciência que será bom para mim. Nunca em nenhuma mudança coloquei para mim um estado de espirito que me levassea concluir que seria mau.

Afinal o que é mau numa mudança? Deixar familia? Pais? Filhos? Amigos? Trabalho? Esta habituação que o nós humanos criamos em relação a tudo é terrível para uma vivência mais saudável, pois muitas vezes se esquecem os sonhos, a felicidade a alegria por medo de mudar e perder algo que se tem seguro.

Eu nao pretendo chegar ao fim da minha vida. Mesmo já no limite da minha morte e olhar para trás e perceber que tive uma vida cheia de receios , de medos e que a minha própria coragem e fé me traíram e me deixaram levar uma vida, onde o que imperou foi o desespero de mudar. E por conseguinte ficar manietado e não ter vivido a vida como ela deve ser vivida.

Não dúvido que deve ser tremendamente triste e depressivo, olhar para trás e pensar que não fizemos nada do que quisemos. Os anos passam como tem passado na minha vida, mas estou certo que chegarei aos 60/70 anos consciente que fiz sempre o que deveria ter feito.

A minha filha quando estava no brasil disse-me um dia: ...."Papi...não interessa nada se tu não me amas. Interessa sim..é que amo-te demais a ti"...

Tenho a consciência que ela mesmo de longe e com as saudades que apertavam, reconhecia aos 6 anos que o que eu fazia, era para o melhoramento do conjunto. Nao interessa se estava longe, ela sabia que eu mais tarde ou mais cedo estaria perto. Assim como hoje por enquanto...estou. E quando um filho ou uma filha, ou uma familia nos ama e nos apoia, fica mais fácil e torna-se mais fácil ter mais força ainda para ir em frente.

Ainda estou á espera de mais mudanças na minha vida. Que vão surgir sempre a qualquer momento. Mas sempre de peito aberto e consciente do que me pode trazer de bom no conjunto.


Por isso...nunca se arrependam. Amem , sejam determinados e olhem para a frente de cabeça levantada. Porque pais...filhos...amigos...conhecidos...irão sempre amar-vos da mesma forma. Perto ou longe, indiana Jones ou não...o que interessa é viver de forma a que todos em conjunto possam ter uma vida de futuro mais feliz.

Chega? Então ...fuiii!








.



sábado, outubro 02, 2010

Mãe e namorado prendem bebé com fita-cola a parede!

Dois adolescentes foram condenados a penas de prisão por terem prendido a uma parede, com fita-cola, um bebé de 22 meses.





A mãe, Jayla Hamm, de 18 anos, foi condenada a dez dias de prisão e dois anos de liberdade condicional. Já o namorado, Corde Honea, também foi condenado a pena de prisão efectiva. O jovem foi ainda condenado à parte por posse de arma ilegal e roubo.

Mas os dois adolescentes não se limitaram a prender o bebé à parede: também envolveram os pequenos punhos da criança em fita-cola e colaram a sua caneca preferida numa parede, mas de modo a que ela não conseguisse alcançá-la.

O caso foi conhecido depois da mãe da criança ter partilhado as fotos no MySpace com um amigo, que avisou a polícia. A criança vai continuar ao cuidado da adolescente mas com supervisão.

FÓNIX...SOMOS O PAÍS MAIS POBRE DA EUROPA???

Imprensa europeia notícia "medidas drásticas" no "país mais pobre da Europa"




As medidas de austeridade "drásticas" anunciadas pelo primeiro-ministro do "país mais pobre da Europa" foram noticiadas, hoje, quinta-feira, pela Imprensa europeia, em diferentes tons.



Os jornais alemães são os mais acutilantes na análise, os franceses entoam os despachos de agência, enquanto os britânicos cumprem os serviços mínimos, valorizando mais a situação da vizinha Irlanda. Também a Imprensa espanhola dá mais atenção ao que lhe é mais próximo e que no caso é mesmo Portugal, caído em desgraça austera. "Os bolsos dos cidadãos portugueses ver-se-ão novamente prejudicados, poucos meses depois do primeiro pacote de medidas extraordinárias aprovado pelo Executivo português", escreve o espanhol ABC.



"O país mais pobre da Europa Ocidental anunciou inesperadamente mais drásticas medidas de poupança e, como parte dos novos esforços para superar a crise da dívida pública, incluem-se reduções salariais na função pública e um novo aumento do Imposto sobre o Valor Acrescentado", escreve o matutino germânico "Frankfurter Allgemeine".



Ainda em alemão, o jornal económico "Handelsblatt" explica que as medidas de austeridade foram anunciadas poucas horas depois de a União Europeia ter pressionado os países membros mais endividados a intensificar as poupanças.



A explicação que também é avançada pelo francês "Le Figaro", que, sem grande análise e numa referência bem mais discreta do que a degradação da notação da dívida soberana de Espanha pela agência Moody's ou as contingências orçamentais da Irlanda.



A imprensa espanhola refere-se ao "drástico plano" de medidas que o Governo português. "Trata-se, sem dúvida, de uma semana em que tudo são más noticias para a economia portuguesa", escreve o ABC, recordando o relatório da OCDE.



O "El Mundo" destaca as medidas portuguesas que considera um "duro plano de contenção", recordando também o último relatório da OCDE sobre as perspectivas da economia portuguesa e relembrando que Sócrates terá agora uma "tarefa difícil" no parlamento para convencer a oposição a apoiar o orçamento.



Na imprensa britânica, o assunto é praticamente um rodapé das notícias do dia. O "Financial Times" fala do "pacote de austeridade" apenas na edição 'online', deixando o artigo fora do jornal em papel. Antecipa o Financial Times que as medidas têm ainda de ser aprovadas pelo parlamento "com tricas políticas em pano de fundo" com o PSD, que recusa o aumento de impostos sugerido pelo governo socialista.



No "Guardian" o assunto nem rodapé é, mas uma simples menção a meio de uma notícia dedicada às manifestações realizadas em vários países europeus na véspera. "Enquanto se realizavam os protestos, o Governo de centro esquerda convocou uma sessão de emergência para tentar desbastar mais à despesa pública, que luta com uma crise de dívida e défice", assinala o diário britânico.

Retirado de "Noticias On-Line"

domingo, setembro 26, 2010

terça-feira, setembro 21, 2010

OS OPOSTOS ATRAEM-SE?




A questão principal que muitas vezes questiono é: Os opostos realmente atraem-se? Existe uma panóplia enorme de pessoas que de quando em quando, vem sempre com esta afirmação de que os opostos se atraem! Eu nunca concordei com este tipo de afirmação! O diabo é o melhor amigo de Deus? A cobra dorme de braço dado com o ratinho? O gato ama o cão? Um padre católico cita o corão como ensinamento? Escuto inúmeras vezes algumas amigas e amigos, bem como conhecidos dizerem: Nós nem temos nada a ver,mas gostamos muito um do outro! Mentira!

Gostam é do que o outro vos proporciona! Sexo, o beijo, o toque, o coração a palpitar! Mas se ele adora sair e tu não...ficas feliz da vida? Se tu amas um amigo e ele o odeia, sentes-te bem? Se gostas de ficar em casa a ver um filme e ele vai ao futebol com os amigos e deixa-te sozinha, sentes-te preenchida? Se ele é mal humorado e tu bem humorada....bem...nem digo mais nada..


Os opostos atraem-se? Podem dizer-me por exemplo que existem excepções! Já vi cães a tratar de gatos pequenos, já vi cobras que nao comem ratos, ja vi padres a citar o corão e até...para que conste o diabo já foi sim o melhor amigo de Deus! Então...mas se os opostos se atraem...não haveria as derrocadas, complicações, insinuações, violência verbal, discussões infinitas e afins! Porque meus amigos...os opostos nao se atraem! Nos gostamos, apaixonamo-nos por pessoas que tenham algo a ver connosco! Não queremos cópias! Não! Mas...pessoas que em muitas situações, formas de pensar se aproximem minimamente daquilo também que nós pretendemos.

Eu nao posso ter uma pessoa que não goste de 10 coisas que eu tenho para mim e para a minha essência como base de tudo o que sempre fiz e gostei. Senão...vai dar merda...

-Vamos sair hoje á noite?
-Ahhh....já sabes que não gosto de sair!
-Vá lá...vamos nos divertir um pouco...sair aqui de casa...ver gente, dançar, ouvir um pouco de musica!
-Já disse que não! Nao gosto de sair! E não me aborreças com isso!
-Caramba...ok...tudo bem....ficamos em casa!
-Sério amor?? Amo-te tanto!! Fomos feito um para o outro!!

( Deves ter sido feita para mim...deves...deves...não tarda muito...a fila anda e tu vais de vela!)

Como é que o oposto do outro se atrai? E quão etupidos muitas vezes podemos ser ou podem vocês ser para condicionar o que somos em deterimento da alegria do outro!

Eu cá não faço fretes ou favores! Sempre me pautei por isso. Aliás...digo mais...dou-me sempre muito bem a conhecer, aviso como sou, os meus gostos, sou totalmente aberto com as pessoas...para não haver duvidas depois do estilo: Ahhhh...mas tu não eras assim!!

Claro que em certas situaçõe, certas pessoas, certos momentos existe sempre ogosto pelo desconhecido. Esse desconhecido é naturalmente e até ás vezes o oposto de nós na forma de vestir, estar e se dar. É verdade que nao deixa de existir uma certa atração complacente.

Eu sou super observador...claro...capricórnio...naturalmente gosto de observar as pessoas quando as conheço, o que falam , como se envolvem na conversa, os seus gostos, valores, atitudes. Pode perfeitamente ser o oposto de mim e eu gostar pela forma completa como se mostra. Posso sentir-me atraído pela injustificada razão que não está subjacente a mim muitas vezes, mas a uma certa inconciência latente que resulta do velho ditado: "O fruto proibido é o mais apetecido". Agora vamos a factos...

Eu gosto de dormir, levantar-me tarde, beijar, namorar, sexo pela manhã, de ter o meu espaço ...porque todos precisamos do nosso espaço. Gosto de viajar, de conhecer novas culturas, estar com amigos, não sou nada ciumento e picuinhas.

Mas..se apenas me cingir ao velho ditado " O fruto proibido é o mais apetecido" e ela...:

Não gostar de sair, nao gostar de viajar, nao gostar de sair á noite, nao ter a minima paciencia, detestar fazer sexo pela manha, beijar, namorar, levantar-se de manhã  e nao me deixar dormir....

Está tudo...fuck!! Então...os opostos atraem-se em certa medida, num determinado momento...mas...viver com o meu oposto, fazer vida com o oposto de mim...é reconhecer em mim o eterno infeliz que poderei ser...


Capiche?








quarta-feira, setembro 15, 2010

AIII QUEREM MANDAR OS...LELOS... EMBORA!



Aii....coisa mais feia! Querem mandar os Lelos embora! Aiiii...como é que é possível???O lelo faz parte da cultura portuguesa! Ok....talvez não faça da cultura francesa! Podemos brincar muito, mas na verdade é um assunto muito sério! O que se passa meus amigos é que os Franciús...andam a pegar nos Lelos...e a envia-los para casa. Roménia e Bulgária são os países que mais "fornecem" Lelos por essa europa fora.

Se isso começar em Portugal...onde vou comprar as Levis mais baratas? Os perfumes de renome? Onde compro um Iphone made in Lelo-Lândia?  Os óculos de 5 euros no campo das cebolas?? O charrinho no bairro alto? Onde..vamos? A ZARA vai contratar lelos em paletes? A springfield?

Onde posso assistir com tanta emoção e frequência a um lelo doente no hospital e 50 mil pessoas da familia cá fora aos gritos e a  fazer piqueniques a pensar que ele tem um AVC genital?

Onde assisto á emoção dos tiros, facadas, lelos aos berros a pensar que são Marines nos bairros mais pobres portugueses?

Tirarem-nos a emoção de ter um lelo por perto...é como nos tirarem...um F.C.Porto-Benfica!!!

Façam um abaixo assinado: Lelilinhos á Presidência e um futuro mais sorridente!!

segunda-feira, setembro 13, 2010

VAIS DE AUDI A4? MERCEDEZ CLK? EU VOU NA CARROÇA DO TIO CHICO!

Imaginem este século....ano 2010 tal e qual como o conhecemos. Nem mais...e nem menos. Retirem apenas os transportes públicos. Por momentos imaginem que em vez de sairmos de casa e entrar no belo do carro ou moto ( na moto não se entra...) tinham um...cavalo á porta!



 
                               
Nós de fatinho...Iphode (ops...Iphone)...ao som de, David Gheta...ou das doces...e toca de fazer o caminho até ao trabalho, escola, faculdade...seja o que fôr! Pensem na qualidade de vida que não teríamos! Não existiria poluição, choques em cadeia seria dificil ( a não ser que o cavalo fosse míope) e viveríamos com uma qualidade de vida bem diferente do que aquela que temos hoje.

Comboios? Pessoas á espera para se socorrer de algum tipo de transporte? Opá....não há comboios...há carroças! Já tou a ver as pitas, as meninas bem vestidinhas,  os engomadinhos, a subir para a carroça e fazer o trajecto até ao lugar final.

MacDonald s??? Para quê e porquê??? Matar as vaquinhas...os vitelinhos e acabar com a fauna e flora do nosso país ( isto é mesmo para não fazer sentido)! Criem....tipo um....deixa pensar...MacRat s!!

-Boa tarde! O que vai desejar?
-Olhe...pode ser um ratoburguer com queijo e cebola!

Coca-cola? Ice Tea? Seven Up?? Por amor de Deus...Aguardente com adoçicante de groselha! Não inventem produtos, não gastem dinheiro, sejam homens!!

Viajar de avião? 1º classe? Qual quê!! Caravela! 6 meses para chegar ao brasil!! Isso sim é um...passeio marítimo alegre! Um verdadeiro cruzeiro!

Já viram a loucura que seria se tudo isto existisse? O que não íamos morrer de rir?


Inté!

COMENTÁRIOS INFELIZES....

Já alguma vez tiveram um comentário menos feliz que acabasse por deixar outra pessoa a pensar momentaneamente: " Que estúpido de merda!!"? Claro que vocês não sabem o que a pessoa pensou literalmente. Mas...a cara...enfadonhada, amuada, olhos fulminantes...dizem tudo! E já pensaram também que por muito que uma pessoa ( e não são todas) sejam fantásticos como homens, namorados, companheiros, amigos...existe sempre algum momento que...não cai bem...

É óbvio...que não somos seres perfeitos ( Dhaaaa....toda a gente sabe isso!) mas tenho por base...e repito....eu tenho por base de me auto-melhorar sistemáticamente, pelo menos interiormente...porque mudar a minha cara e corpo...só na Dermoestética mesmo!lol...

Continuando...eu sou paranóico e lunático ( é exagerado...não é tanto assim) com a minha forma de ser, para comigo e com os outros. Sou simpático, super bem humorado, cavalheiro, sei dizer as piadas na altura certa, sei manter-me no meu lugar, sei ter uma boa conversa ( The dream of all women s!!lol)...enfim...sou uma ave rara neste mundo cruel e cheio de chacais!

No entanto e mesmo depois deste blá...blá..blá....e nhé...nhé...nhé...em como sou poderoso, não deixo de ser na verdade e ter de me reconhecer como uma merda do mais baixo nível quando me comporto mal e faço comentários infelizes que acabam por magoar outros ou outras.

Apesar de tudo...o bom...é reconhecer sempre, mas sempre os erros, falar sobre isso e tentar caminhar continuamente numa procura de melhoramento, não para sermos perfeitos, não para sermos melhor do que os outros, não para nos auto-elogiarmos como politicos frenéticamente á espera de votos...mas....amigos...simplesmente para sermos nós mesmos...humanos como somos mas por favor...primem pela diferença...



sexta-feira, setembro 10, 2010

PAI...COMO É QUE VAIS SER SE FORES AVÔ??

A minha pequena perguntou-me ontem ao telefone: ...." Ohhh Papi...como é que vais ser quando fores avô?"

Boa questão...tadita...nem sabe o que lhe espera se eu for realmente avô! Tal como a vida muda...hoje tudo muda também! E acompanhamos melhor ou pior a evolução de tudo...principalmente tecnológicamente!

Com 80 anos e se viver até lá...já me estou a ver no facebook a mostrar ao netinho as minhas conquistas!

"Estás a ver Bernardo...esta senhora tem 74 anos...não tem dentinhos...mas tem cá um rabo! Ui...ui...quando lhe dou uma tapas, vai sempre de urgência para o hospital"

"Anda cá ao avô...o filho do Eminem, lançou um novo album!! Curte só esta música...olha só o refrão: ..." ...All bitches in the house fuck! Fuck! Fuck Yo!"...

Vou poder andar numa autoestrada a 40 kilometros á hora! E vou ter um gozo enorme de dizer aos policias se me mandarem parar por ir tão devagarinho ( ao estilo de uma scooter): Vão-se lixar! Tenho 80 anos..estou á beira da morte! Hã??? Teste do quê??? Do balãozinho?Vai acusar Voltaren....cuidado!

Eu acho que quando for velho...ui....ui...cuidado...que o netinho vai fugir do avo louco!lol

EM QUE SOCIEDADE VIVEMOS?

Acabei por aceitar de certa forma o repto da "minha" querida comentadora do blog de seu nome Claudia Vieira da Silva Espadinha Duarte. Mentira...é tudo mentira! Só a conheço por "Claudinha" e nada mais. Mas enfim...adiante que se faz tarde e tenho batatas fritas ao lume! Vamos lá então!

O que é uma sociedade antes demais!?  Uma explicação retirada do Wikipédia:

..."Sociedade é o conjunto de pessoas que compartilham propósitos, gostos, preocupações e costumes, e que interagem entre si constituindo uma comunidade...."

Ora...concluo que uma ( e começemos pelo fim) comunidade é um conjunto de pessoas que interagem entre si onde a partilha, opiniões, conjunturas, preocupações e propósitos formam o denominado conjunto a que se dá o nome de sociedade....certo?

Esta conjuntura , esta denominação de seres humanos a que chamamos sociedade  está naturalmente dividida vários segmentos onde predominam, egoístas, chantagistas, assassinos, ladrões, corruptos, esfomeados por dinheiro, mal feitores, pessoas que se aproveitam dos outros, pobres de espirito e por aí fora.

Perguntam vocês: " Oh Pinóquio, achas que o mundo caminha para melhor ou pior?"

Na verdade meus amigos, tenho esperança que no pequeno pedaço de chão que piso, que me utilizo todos os dias para ir para o trabalho, para visitar a minha filha como pai solteiro, para me deslocar no comboio, metro, autocarros...as coisas no meu mundo, na minha mente como ser individual...o futuro seja risonho, melhorado e com isso a qualidade de vida fique melhor no que me toca.

Agora...se o mundo caminha para melhor? Podem ter a certeza que não! E podem ter a certeza bastando olhar para décadas atrás, ver a história do mundo, dos animais que não deixamos de ser, das guerras, das fomes, das poluições, dos assassinatos, dos assaltos, da camada de ozono, da falta de fé, do mundo onde hoje tudo é permitido com uma facilidade nunca vista.

Poderão dizer: " Mas ohh Bruno...tu que pensas que és um filósofo paralitico das ideias genitais, vulgo, geniais, como podes vislumbrar um mundo para ti melhor, quando não acreditas que o mundo num todo pode modificar-se?"

Existe uma frase que a minha rica mãe dizia que era mais ou menos assim:

"Tadinho...tem um nariz comprido, mas ele não é estupido"

Mas ás vezes concordando ou não com ela, preferia mil vezes ser estupido do que ter um nariz comprido e "Cheirar" a kilometros a podridão que existe no mundo.

Quando saio de manhã para o trabalho...e olhem que não é fácil, apanhar 2 comboios ( sim...dois!) 1 autocarro e um metro ( além de 260 metros a pé) e verificar a loucura e o estado depressivo que cada vez mais pessoas se "utilizam"para com isso dar-me a conhecer "O insustentável martírio do ser". Ora é gritos, ora é uma correria louca para entrar num comboio, metro, autocarro e as discussões logo ás 7:30 da manhã do:

"Eu estava na fila primeiro do que você"
"Não vê por onde anda?"
"Possa...nem deixam sair , querem logo entrar"

Esta sociedade de partilha, troca de opiniões (coisa tão linda e lirica) esta loucura que nos esbate, abate e nos dennomina como presas fáceis do mundo, sujeitos numa qualquer discussão a um acto tresloucado de um malandro...deixa-me pensativo! O mundo está a melhorar? Com o quê?

Facebook? Msn? Os afonsinhos do Condado? Blogs?

Queremos bares, discotecas, divertimento, copos, sexo, orgias, relações abertas, beijar uma hoje e amnha outra e no entanto passamos a vida a chorar por não ter " Amor". Somos tão estranhos...tanto quanto na verdade somos perfeitamente estupidos. Ohhh miséria de gente que abre a televisão, tem pena dos que sofrem, mas todos logo a seguir vamos-nos divertir com amigos, beber, gastar dinheiro e clamamos por uma qualidade de vida que nos proporcione um bem estar que não está ao alcance de todos.

Sociedade de partilha? Troca de opiniões? Sociedade da tanga...sociedade das tretas, sociedade podre e infeliz.

O que nos faz feliz? Amigos? Dinheiro? Bem estar? E a consciencia? A alma? Hummm...que se foda isso...quero é viver!

"Mas....Bruno...não podes ser tão taxativo com as coisas...se queres ajudar, vai para a AMI"

Sim...e tu vens comigo? Vens para África? Moçambique? Paquistão? India? Etiópia? Congo? Largas  a boa vida, a estrutura para ajudar o "Mundo"? Não...certo? Porquê? Porque somos egoistas. Egoistas penosos e presos no fantasma que sofrimento, falta de dinheiro é...estupido!

Não podemos ser estupidos! Temos de nos sentar á mesa e comer do bom e do melhor. Temos de sair e divertirmo-nos! Temos de ter dinheiro para andar a passear, viajar e comprar uma televisao, onde a podemos ligar , ver as catastrofes, fomes, misérias, dizer: "Ohhhh pá...coitadinhos! Agora deixa lá isso vai ao frigorifíco e trás a lasanha! Ahhhh...aproveita e compra aquele vinho de 22,35€ da herdade da Vidigueira"

Em que sociedade vivemos? Em que sociedade vive a tua alma? Em que mundo aceitas o que és? Em que momento te perguntas o que ganha a tua pessoa? Em que fé, credo e dedução de vida se personifica a tua alma? O que tens? O que conquistas? O que importa? E o que não te importa? O que mudas e é justo mudares? O que não mudas por consequencia do teu egoismo? És pobre de espirito? Tens um espirito pobre? Quem és? Como és? O que te importa e te choca?

Em que sociedade vivemos?

Diz-me tu....

quinta-feira, setembro 09, 2010

VIAJAR


Boas a todos! Finalmente voltei! Depois de um breve retiro espiritual, onde adquiri mais força e vigor na alma, aqui estou eu de novo. Viagens!? Gostam? Quem não gosta não é? Acho que não há nada melhor que num fim de semana, umas férias ou um tempo que haja disponivel, proporcionar tanto a nós como a outro alguém um pacote de férias em algum lugar que não o mesmo de sempre.

Eu pessoalmente, já estive em Espanha, Brasil e...Portugal conheço de uma ponta a outra. Não foi muito, mas...já é melhor do que nada! E na verdade conhecer outras culturas, países, cidades, outro tipo de espaço que não o nosso é deveras fantástico.

Viagem, divirtam-se, aproveitem a vida o melhor que possam. Façam acima de tudo e de uma razão o porquê de estarem vivos!

Capiche?

segunda-feira, setembro 06, 2010

ANDO SEM IDEIAS




Boas a todos! Mas porquê a todos...se só uns 4 ou 5 comentam o meu blog? Hummm...mas todos é indicativo de plural não é? Enfim...ando sem ideias para escrever. Escrever sobre o quê? Quem? Nestes últimos dias faltam-me ideias...frases, momentos. Parece que ando com uma nuvem negra sobre a minha cabeça. Nada me ocorre para escrever.  Alguma ideia da vossa parte? Ficarei eternamente agradecido!

segunda-feira, agosto 30, 2010

PAPÁ...O ROBOT APERTOU-ME OS TOMATES....


Quando eu era mais pequenino...assim...very little mesmo...eu tinha uma babysitter. Não tinha na gaveta do quarto como é óbvio. E com 6/7 anos...não me atrevia a ter! Podia correr o risco de dizer: " A mamã, pagou 5 euros a mais, para eu te tocar nos seios". Tarado!!! Sim...eu sei...agora, sosseguem...e continuem a ler.

O mundo tem mudado por demais! A cada ano, a cada dia...e...de facto...hoje olhamos para a tecnologia e ficamos parvos e preplexos com o que existe! Ainda se lembram dos vinis?Hoje existem aquelas coisinhas que parecem de vidro , que é movido a laser dentro de um cd-dvd-player! Incrivel!  E inventaram a primeira boneca-sexual que consegue dizer: "Estou gozando!!" Maravilhoso! Hummm...quanto será que custa a boneca? Bom...deixem pra lá!

Na verdade e se a minha baby..sitter....fosse um robot? Se eu pudesse carregar num botão aos 6/7 anos e dissesse: "Oi...a mamã saiu...posso mamar nos teus peitinhos?" Caramba...isto fica tão mal! Hummm...." Tens leite para mim...gostava que fosses a minha vaca por um dia!" Cruzes! Fica horrivel isto! É baixar as mulheres ao mais infimo nivel! Mentira!!! Nao estou a falar de mulheres! Viram! Já estão todas loucas a pensar: Quem é que esse gajo pensa que é para nos denegrir assim?

Caramba...eu disse " E Se fosse um robot!??"....não fiquem já paranóicas a dizer aos altos berros: Ahhh...eu sou uma mulher de familia! Eu sou uma mulher de respeito! Agora deixa-te de merdas...e mete lá dentro isso! Ops...i did it again!lol

Sosseguem...eu só estou a imaginar coisas! Mas será que a tecnologia vai chegar a tanto ...ou melhor...estarei eu vivo para ver Humanóides ainda a viverem neste planeta connosco?? Será que eu vou convidar um humanóide para sair comigo?

-Oi gostosa...tudo bem? Queres ir beber um copo?
-Hummmmm....sim...pode ser!
-Ok...eu bebo um sumo de laranja...queres o quê mesmo? Gasolina sem chumbo 98 com uma rodela de limão?

Devia ser hilário....devia devia...enfim....

POR DO SOL


Este fim de semana, consegui pela primeira vez e com toda a calma do mundo olhar e deslumbrar-me com um por do sol magnifico! Simplesmente fabuloso como está nesta foto.

Acordei, tomei o pequeno almoço, sentei-me no sofá sozinho e...liguei o Discovery Channel...

What??  É a mesma coisa que ver ao vivo....olha que isto hã...

sexta-feira, agosto 27, 2010

E SE EU FOSSE UM IDOLO??



A questão é: E se eu fosse um idolo? Se eu tivesse o mundo aos meus pés? Se aparecesse na televisão? A minha voz fosse escutada na rádio? Se as mulheres suspirassem por mim? Como seria se fosse um idolo? Como seria se tivesse na mão o poder de fazer tudo? O que eu faria? Compraria tudo do bom e do melhor? Mudaria com as pessoas? No que me transformaria?

Mulheres? Hummm....concerteza teria muitas! Feio ou bonito a razão nunca estaria numa vertente fisica. Sim...no dinheiro. O poder daria para ter as mais belas. Os melhores carros, as melhores casas. Frequentar os melhores lugares.

Se eu fosse um idolo...hummmm....era engraçado. Não deixamos na verdade de ser uns "ídolos". Por várias razões. Porque temos amigos, porque gostam de nós, porque leem o nosso blog, porque sorriem quando nos veem, porque gostam da nossa companhia. Ou porque temos alguem  que nos quer bem, nos adora e nos ama. Pela familia, amigos, conhecidos, colegas de trabalho...na verdade....somos uns "ìdolos".

Porque todos...eu...e vocês aí desse lado também...tem potencialidades fantásticas. Ninguém na verdade é melhor do que nós. E nós não somos melhores do que ninguém.

O cristiano Ronaldo é um fantástico jogador...mas poderia ele exprimir e escrever tão bem como muitos de nós? A nossa limitação de não saber jogar tão bem á bola como ele...é a mesma que ele poderá ter em não escrever tão bem quanto nós.

Todos...mas todos...somos uns Idolos. Não interessa se somos mais ou menos conhecidos do que outros. Se passamos na rua e ninguém dá por nós. Se no corre, corre diário da vida, onde se troca tantos olhares com tantas pessoas, na rua, no metro, comboio, autocarros...etc...e passamos desapercebidos no meio da multidão, isso não significa que nos remetemos á nossa suposta insignificância de não sermos ninguém.

Pelo menos e este ninguem, apenas no sentido figurativo da palavra.  Mas nós somos! Somos ídolos! Somos fantásticos, somos amados e adorados!

Não interessa se é por uma única pessoa. Alguém que por nós , por uma única vez, um único dia que seja nos possa dizer que nos ama ou adora, eleva ao mais alto nível o sentido da vida,do amor e amizade.

Vale apena estar vivo...não para ser um idolo de massas...mas um idolo com a vida e para a vida...

quinta-feira, agosto 26, 2010

SABES QUEM ÉS?








Não se viam as plantas cobertas pela neve. – E o lavrador, dono do campo, comentou jovialmente: “Agora, crescem para dentro”. – Pensei em ti; na tua forçosa inactividade – Diz-me: também cresces para dentro?

(Josemaria Escrivá)

Um dia um homem chegou ao céu. Ia todo feliz numa estrada pintado de branco. Durante essa caminhada ele pulava e gritava de alegria! Como ele estava feliz! Finalmente tinha chegado ao céu!

Ao longo da estrada ele começou a reparar em milhares e milhares de pessoas que de cabeça baixa e em silêncio reparavam todos naquele homem feliz.

Há medida que se ia aproximando de uma luz enorme que estava na sua frente as pessoas uma a uma iam-se ajoelhando. Mas ele nem ligou...continuava a sua caminhada todo feliz!

Ao longe escutou uma voz chamando por ele. Aproximou-se e deparou-se com uma luz que lhe toldava por completo os olhos. Uma luz incandescente e portentosa.

Perguntou a luz- Então...finalmente chegas ao céu! Vejo que estás feliz. E porquê toda essa felicidade!?

O homem respondeu- Porque eu morri feliz!!

A luz retorquiu- Feliz? E porquê?

-Porque, tive de tudo na vida! Alegria, dinheiro, mulheres, várias empresas, altos cargos, nunca nada me faltou! O que tinha de deixar, eu deixei e o que tive de fazer eu fiz! A minha vida foi completa! O dinheiro tudo me deu!!

- Reparas-te nos milhares de pessoas? -Questionou a luz-

-Sim...estavam felizes! Saltavam e gritavam comigo!

-Não...não estavam! Isso foi o que a tua consciência te quis mostrar. Elas permaneciam imóveis, tristes e em total silêncio...com a tua chegada. Para elas...não conquistas-te nada..

-Como não conquistei nada!??! Eu tive de tudo!

-Responde-me a uma coisa...

-Pois não...

-O que conquistou a tua alma na verdade?

O homem pensou...pensou....pensou...abriu os olhos...e sentou-se a chorar...e respondeu:

-Nada...
E vocês?
 

quarta-feira, agosto 25, 2010

MAMÃ...SE EU FIZER SEXO A TRÊS...TENHO TRIGÉMEOS?

Fantasias Sexuais

Ontem tive uma fantasia  sexual! Ok...já tive várias! Mentira..tive é passado...continuo a ter! Sexo a três é algo que pode até parecer meio chocante para aquelas ou aqueles que são vitimas de um certo preconceito esbatido e onde uma certa lasciva ainda é inconsequentemente baixa e de certa forma intolerável para uma sociedade cada vez mais aberta, mas invariávelmente ainda fechada em certos preconceitos.

Como dizia Rita Lee..."Sexo é imaginação". Ela está certa. E eu estou certo que ela está certa. Sexo sem dúvida é imaginação. Existe todo o tipo de homem  e isso acarreta  da nossa parte um certo abrir de horizontes do imaginário que nos permite pensar, repensar e desejar algo que vai para além dos conceitos normalizados pela grande maioria.

E não venham vocês com a tipica conversa de: Ahhhh é tudo mentira! Só vivo para a namorada, sem ela sou uma laranja sem casca! Só me imagino a fazer amor com ela! Fuck!! Tantas mentiras...homens....vamos falar abertamente...

Quem de vocês...por acaso nunca olhou para uma gostosa e teve vontade? Quem de vocês nunca olhou para duas lindas loiras ou morenas bem apetrechadas e sentiu aquele arrepio na espinha de: Uissssssssssssssssssssssssssssssssss...o que eu não fazia! Fuck!! Mentir para quê?

Somos mentirosos quando prendemos, e nos desfazemos momentaneamente do desejo, para apenas agradar a outra pessoa que não gosta ou não concorda com isso. Com isso...meus caros...quando falamos em "Ahhhh eu amo tanto a namorada, só tenho olhos para ela!" condicionamos o amor! Fuck!!!

Mas que raio de homens vestidos de Gay enclausurados numa jaula imaginária de pura ostentação de amor mentiroso tem vocês pelas namoradas? Condicionalidade só é e poderá ser Incondicional quando perceberem que amor é o reflexo da liberdade existente desse proprio sentimento...que se quer transparente.

Poderão dizer vocês: Epá...isso também não é assim!! E o respeito? E o amor pela namorada? E a fidelidade?

Fidelidade....boa palavra! Mas qual é o homem que é totalmente transparente? Atire o primeiro presevativo aquele que nunca teve um pensamento lascivo..louco...de desejo acerca de alguma mulher!?

Vamos... algum de vós?

Fantasias, fantasiar quer dizer: Imaginar, idealizar, devanear, divagar...


E isso todos podemos...

Sexo a três...uma fantasia de muitos...alguns conseguem concretizar isso...outros não. Depende das possibilidades, depende de vários factores. E depende do homem! Não venham cá dizer: Eu aguento tudo!!

Não! Mentira! Não aguentam tudo! Nem todo o homem tem capacidade para aguenta com duas...

Já basta ouvir os meus amigos dizerem: Porra...aquela gaja partiu-me todo!! Arrebentou comigo! Se for duas imagino!!

Não tenham receio de experimentar os vossos mais estranhos desejos. Falem abertamente...conversem com o parceiro...digam o que vos vai na mente....

Eu sei...ahhh sempre aquele pensamento tipico de homem se for mulher: Olha... a vaca...!!

E o pensamento tipico de mulher: Olha o safado!!

Mas...mais vale ser safado e vaca entre dois amores...do que safado e vaca entre o mundo todo...

Grande diferença não é?

terça-feira, agosto 24, 2010

NÓS HOMENS...SOMOS DESCONFIADOS??

Vamos tentar ser sinceros...afinal nós somos desconfiados ou não?

VERSÃO MANIPULADORA E MENTIROSA DO HOMEM

- Olá! Não é o senhor que namora com a Virgulina?
-Sou sim...porquê?
-È que encontrei ela num café a trocar uns beijos com um rapaz.
-Ahhh....isso? Não faz mal! Nós temos um namoro aberto. Ela faz o que quiser e eu também. O relacionamento funciona sem ciumes!

VERSÃO NERVOSA, STRESSADA E ANGUSTIADA...MAS INTERROGATIVA!

-Boas! Acabei de encontrar a tua mulher ali no shooping de mão dada com outro!
-O quê Alfredo?? Tu não me digas isso!! Conheces ele!?? Quem é ele!?!? Era negro? Branco? Sim...porque se for negro estou perdido!!E se for branco deve ter mais dinheiro que eu! Agora deixa lá isso e beija-me também tu!

VERSÃO MACHO ASSASSINO

-Nem sei como te dizer isto...epá...é complicado...nem devia dizer...mas olha...fodasse...vou dizer!
-Epá...diz logo!!
-A tua mulher acabou de me fazer um boquete?
-Um buque de flores??
-Não idiota! Um boquete!!!
-Mas....viras-te brasileiro???? Boquete é de origem brasileira!! Deves estar confuso!
-Mau...não quero ser ordinário! Mas...olha...caga...vou ser! Ela chupou-me!
-Porco!! Javardo!! Paralítico dos orgãos genitais!! És...és...mau! E foi bom?
-Foi!
-Então vamos beber um copo para comemorar e depois fazes-me tu um...a mim!

VERSÃO " QUERO LÁ SABER"

-Vou ser directo!! A tua mulher traíu-te!!
-Pouco me lixando!
-Encontrei-a deitada com outro!
-Pouco me lixando!
-Mas ela estava em cima dele, gemia que nem uma louca!!
-Pouco me lixando!
-Ela chifrou-te!!
-Pouco me lixando!!!
-Ela gritava sempre: És melhor que o Eduardo!!! És melhor que o Eduardo!!!
-Pouco me lixando!
-Porra!!!! Casado ha 32 anos e estás pouco te lixando???
-É que...o meu nome é Diana e eu sou transssexual....

VERSÃO CHOCANTE E VERDADEIRA..E HUMORADA...

-Lamento...mas ela estava no bar agarrada a outro e aos beijos e amassos....
-Estás a brincar não?
-A sério bruno...sou o teu melhor amigo...e não te ia mentir.
-Conheces o gajo?
-Sim...de vista...e nunca pensei que ela fizesse isso contigo....as coisas estavam mal com vocês??
-Claro que não! Somos...eramos...a alma gémea um do outro.
-Porra...desculpa...mas...vacarrona ela não?
-Vaca é pouco!! Puta de merda! Ando eu aqui feito palhaço a tentar que ela seja feliz e ela faz-me isso!
-Pois...elas dizem todas que são felizes...mas no fundo, tem a piriquita sempre ás voltas...
-Olha lá...onde é que mora esse porco??
-Epá...sei onde ele mora...até é perto de mim. Mas o que vais fazer? Tu não arrumes confusão!
-Vou-lhe enfiar dois socos naquela boca!
-Isso não vale de nada...a culpa é dela...ela é que se entregou! Se fosse realmente fiel...tudo lhe passava ao lado!
-Então onde é que ela mora????
-Hã???
-Pera lá...eu sou gay....
-Eu sei..e eu sou o teu psiquiatra...


Afinal...somos desconfiados ou não???
Hehehehe!

PENIS CIRCUNCIDADO OU NÃO CIRCUNCIDADO?



Pénis circuncidado vs. não circuncidado: qual o melhor?


Descubra quais as diferenças entre um pénis circuncidado e um não circuncidado

Ser circuncidado, ou circuncisão, é um procedimento no qual é removido o prepúcio do pénis.


O procedimento é normalmente efectuado devido a várias crenças religiosas e tradicionais, sendo por isso muitas vezes executado numa fase inicial da infância ou mesmo alguns dias depois do nascimento da criança.



Esta intervenção raramente é executada num homem adulto.


A principal razão para a circuncisão em diferentes culturas é que os genitais naturais são anti-estéticos e pouco limpos, o que também dita a circuncisão das mulheres em certas culturas africanas.


A segunda razão para a circuncisão resulta de problemas de saúde. Nomeadamente, algumas pessoas têm problemas ao puxar o prepúcio do pénis para trás, o que lhes causa muitas dores. Ao remover o prepúcio a dor desaparece.



Os benefícios



À semelhança de numerosos africanos, muitas mulheres acreditam que um pénis que não é circuncidado é pouco limpo e atractivo e, por isso, preferem ter relações sexuais com um homem que tem o pénis circuncidado.



Por pensarem dessa forma, poucas mulheres estão cientes das consequências que a circuncisão pode ter para eles. Nomeadamente, diminui a sensação sexual nos dois parceiros, o que também pode afectar o prazer sexual.



O prepúcio no órgão sexual masculino é um tecido erógeno que, entre outras coisas, aumenta a sensibilidade do pénis durante o sexo e, adicionalmente, serve de protecção contra factores externos. Há muitas terminações nervosas na cabeça do pénis.



A exposição constante da cabeça do pénis de um pénis circuncidado faz com que, gradualmente, este órgão seja menos sensível ao toque.



Certas pesquisas, que incluíram homens adultos que foram circuncidado depois de iniciarem a sua vida sexual, mostraram que a sensação sexual de muitos ficou drasticamente reduzida durante a relação sexual, em comparação com o sexo antes da circuncisão.



Retirado de:

http://saude.sapo.pt/saude-medicina/saude-do-homem/artigos-gerais/penis-circuncidado-vs-nao-circuncidado-qual-o-melhor.html